A roupa nova do Imperador

O projeto “A Escola Vai à Ópera” entra em sua 10ª edição trazendo a encenação de uma obra muito especial, composta sob encomenda deste projeto, ao compositor, cantor e pesquisador sueco Sven Kristersson, da Malmö Academy of Music.

A Nova Roupa do Imperador foi escrita a partir do conto do dinamarquês Hans Christian Andersen (1805 – 1875), publicado em 1837. Andersen escreveu centenas de peças de teatro, histórias e, principalmente, contos de fadas, pelos quais é mundialmente conhecido. A junção destes dois grandes artistas resultou numa deliciosa opereta que o público terá a oportunidade de assistir em primeira audição mundial na Escola de Música da Universidade Federal do Rio de Janeiro.

Criado em 2008, o projeto tem por objetivo divulgar óperas com temática infantis, incentivando e inserindo crianças neste fabuloso mundo, de maneira lúdica e apropriada para esta faixa etária. Ao proporcionar às crianças que nos assistem ou aos alunos da UFRJ (que atuam nesta montagem, como cantor, instrumentista, maestro, cenógrafo, figurinista, iluminando ou dirigindo o espetáculo) a oportunidade de entrar em contato com uma obra da mais alta qualidade, a Escola de Música da UFRJ cumpre o papel de disseminação da arte e da cultura no Brasil.

A nova roupa do Imperador
Era uma vez um Imperador que adorava se vestir com roupas muito bonitas. Gastava todo o dinheiro que possuía com roupas, sem se importar com as despesas do reino… Soldados, contas, comida para o povo?! Ah, tudo poderia esperar, desde que o Imperador estivesse sempre muito elegante em seus trajes.

Certo dia, chegou à cidade onde vivia o Imperador, dois homens muito espertos que, sabendo do gosto do Imperador por roupas, e que este estava desejando um novo traje para o dia do grande desfile na corte, resolveram tapeá-lo fingindo-se de tecelões e oferecendo-se para costurar o mais belo dos uniformes!

Os dois espertalhões, sabendo que precisavam de uma boa farsa para enganar o Imperador, disseram a ele que produziam os tecidos mais incríveis do mundo e que este tecido tinha uma característica muito especial: somente as pessoas muito inteligentes e que merecessem estar nas altas posições de comando conseguiriam enxergar o tal tecido. Desta forma, o Imperador poderia distinguir entre seus ministros, os inteligentes dos tolos e quem realmente deveria continuar a ocupar os respectivos cargos.

Concepção do Projeto e Direção Geral: Maria José Chevitarese
Direção de Cena: José Henrique Moreira
Direção de Movimento:
Direção Musical: Andréa Adour
Regência: Ernani Aguiar, Kaique Stumpf

NÃO PERCA!

Datas das récitas:
8 de outubro – duas récitas: 14:30 e 18:30
9 e 11 de outubro – 14:30
12 de outubro – 16:00

LOCAL
Salão Leopoldo Miguez da Escola de Música da UFRJ
Rua do Passeio, 98, Centro
Duração: 60 minutos
Censura Livre

Entrada Franca

 

Detalhes do evento:


Carregando mapa ....

Dia(s): 08/10/2019 - 12/10/2019
Horário: 14:30 - 19:30

Local: Salão Leopoldo Miguez- Escola de Música da UFRJ
Rua do Passeio, 98
Rio de Janeiro - CEP

Categoria(s):

Inscrição:

A confirmação de inscrição no evento é de responsabilidade do organizador do mesmo.

Valor: Gratuito
Período de inscrição:00
Site: www.musica.ufrj.br
Instituição responsável: Escola de Música UFRJ
Email do organizador:cissagomes@musica.ufrj.br
Telefone de contato: (21) 2240-1441

Comments are closed.