Curso de Extensão Justiça Social e Direitos Básicos

SIGProj – Sistema de informação e gestão de projetos

EDITAL RUA-UFRJ 2017-2 

Justiça Social e Direitos Básicos:

por uma perspectiva mais inclusiva

Segunda edição – Cinema em cores

Coordenação
Prof.ª Dr.ª Maria Clara Dias

É com muita satisfação que o Núcleo de Inclusão Social – NIS/UFRJ, juntamente com o Laboratório de Ética Ambiental – LEA/UFF, apresentam suas atividades para o segundo semestre de 2017 com o curso de extensão Justiça Social e Direitos Básicos: por uma perspectiva mais inclusiva, em sua segunda edição “Cinema em cores”. O curso pretende promover a sensibilização da comunidade, através do cinema, para os processos de discriminação e violação dos direitos básicos de indivíduos de orientação sexual e identidade de gênero que fogem à lógica do binarismo heteronormativo. Desta forma, pretendemos realizar quatro encontros, onde serão vistos e discutidos filmes que permitam visualizar os conflitos vivenciados por indivíduos/grupos cisheterodiscordantes.

Apresentação do curso
Atualmente o Brasil ocupa lugar de destaque no ranking de países que mais mata pessoas LGBTQIs no mundo, ao mesmo tempo em que é considerado um dos destinos mais preciosos para turistas LGBTQIs, de acordo com o Relatório Grupo Gay da Bahia, 2016. Tal conjuntura demonstra uma aparente contradição: como o país que mais mata pessoas cisheterodiscordantes pode ser considerado um dos destinos mais atrativos para pessoas LGBTQIs? Essas e muitas questões permanecem em aberto. Na mesma medida, crimes de ódio motivados por homofobia, lesbofobia, transfobia e tantas outras formas de discriminação contra pessoas cisheterodiscordantes continuam a estampar os noticiários diários de todo o país e merecem ser encarados como um problema que nos convoca a uma reflexão e ação.

Em especial, é preciso pensar com seriedade o que significa enfrentar a homofobia, lesbofobia e transfobia fora do eixo das grandes cidades do Brasil. Considerando que a marginalização e estigmatização de pessoas cisheterodiscordantes é um fato em muitos lugares do mundo, ampliar nossa percepção dos tipos diferenciados de violências simbólicas e físicas produzidas no interior é elemento fundamental para o estabelecimento de pontes teóricas e práticas entre o que vem sendo produzido sobre a temática nacional e internacionalmente.

O curso aposta em uma forma de sensibilização social através da visibilidade de temas pouco explorados junto a sociedade. Desse modo, pretende combater estereótipos de gênero e sexualidades, causas da marginalização, subalternização e até mesmo morte de pessoas LGBTQIs no Brasil e mundo afora. Refletir sobre o papel que as universidades devem assumir diante de uma sociedade que produz e reproduz desigualdades com base em preconceitos é fundamental para que possamos atuar e transformar esse cenário. Diante dessa conjuntura, observa-se a necessidade de trabalharmos formas de sensibilização da sociedade como um todo para que efetivamente possamos construir uma sociedade mais inclusiva e justa para todas e todos.

O curso pretende promover um pensamento crítico-reflexivo através da apresentação de filmes temáticos seguidos de discussões. O foco será o desenvolvimento de reflexões conjuntas sobre as realidades vividas. Neste sentido 16 horas serão destinas às aulas, sendo 4 encontros de 4 horas, divididas entre exibição dos filmes e discussão.

Para a realização do curso, além de contar com a participação de professores da UFRJ, das instituições parceiras e dos estudantes de pós-graduação que compõem o corpo permanente do NIS e do LEA, também serão necessárias a seleção de 4 (quatro) estudantes de graduação regularmente matriculados na UFRJ. Estes estudantes trabalharão como voluntários no projeto, podendo, eventualmente, serem beneficiados ou não com bolsas-auxílio.

Voltados essencialmente para o público adulto, os cursos serão focados do desenvolvimento de reflexões conjuntas sobre as realidades dos participantes e o arcabouço teórico trazido por meio das mídias digitais, do conhecimento da equipe de ensino e das experiências compartilhadas e criadas nos espaços de contato com a sociedade. A realidade em sala de aula será dinâmica e pautada pela integração do conhecimento dos integrantes com as demandas concretas do mundo sobre as temáticas.

Seleção de monitores
A seleção de monitores será realizada ao longo do mês de julho de 2017 e a seleção será encerrada assim que as vagas forem preenchidas podendo ser reaberta sempre que alguma vaga ficar ociosa.

O estudante monitor atuará na organização do curso e garantirá o bom andamento das atividades promovendo o auxílio necessário para o corpo docente e discente envolvido no projeto.

Caso o projeto venha a receber algum financiamento, este poderá ser revertido em bolsas auxílio para os monitores. É importante destacar que o NIS e o LEA estão selecionando monitores como voluntários e não há qualquer garantia da oferta de bolsas de extensão ou de qualquer outra modalidade.

Etapas da seleção para monitoria:

  1. Inscrições por meio do e-mail nis.ufrj@gmail.com, enviando: nome completo, cpf, matrícula, curso, período e um texto de até 15 linhas explicando sua conexão com o tema do curso.
  2. Entrevista.
  3. Divulgação dos resultados e dos resultados parciais de cada etapa na página oficial do NIS (nis-ufrj.org).
  4. Início das atividades.

As inscrições estão abertas a partir da divulgação do presente documento e serão encerradas assim que as vagas forem preenchidas ou que o projeto finalize as atividades da primeira turma.

Todas as inscrições e participações são gratuitas.

Avaliação
A avaliação será um processo contínuo que resultará da capacitação do estudante em produzir um relatório das atividades ao final do curso. Além disso, para aprovação é necessário obter, no mínimo, 75% de presença.

Duração
Uma turma de um semestre, 2017-2.
Inscrições: 14-08-2017 – presencialmente à partir de 15h30 – Local: Instituto de Filosofia e Ciências Sociais/UFRJ – Terceiro Andar – Sala 303c
Início das atividades: 14-08-2017
Término das atividades: 13-11-2017

Público alvo
Lideranças comunitárias, estudantes, comunidade acadêmica, sociedade civil.

Serão disponibilizadas 50 (quarenta) vagas.

Local de realização das atividades
As atividades serão realizadas no IFCS.

Conteúdo Programático
Carga horária –  4 aulas de 4h cada uma = 16 horas

Data e Horário Tema Filme
14/08/2017 de 17h até 21h Transexualidade Kátia
11/09/2017 de 17h até 21h Intersexualidade XXY
09/10/2017 de 17h até 21h Lésbicas Pariah
13/11/2017 de 17h até 21h Gays Moonlight
Detalhes técnicos
Instituições parceiras UFF, UNESA E UERJ.
Área do conhecimento Ciências humanas – Filosofia – Ética
Área temática secundária Educação (Educação popular)
Caracterização Presencial
Palavras-chave Justiça social, gênero, sexualidade
Créditos equivalentes para graduação na modalidade extensão Dezesseis horas.
O curso emitirá certificados de participação e de organização.

 

Prof.ª Dr.ª Maria Clara Dias
Coordenadora

 

Detalhes do evento:


Carregando mapa ....

Dia(s): 11/09/2017 - 15/09/2017
Horário: 17:00

Local: Sala Celso Lemos
Largo de São Francisco de Paula, 1
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro CEP 20051-070

Categoria(s):

Inscrição:

A confirmação de inscrição no evento é de responsabilidade do organizador do mesmo.

Valor: gratuito
Período de inscrição:14/08/2017
Site: www.nis-ufrj.org/cursos
Instituição responsável: IFCS/UFRJ
Email do organizador: nis.ufrj@gmail.com
Telefone de contato: 21989988234

Comments are closed.