Lançamento de livro

Editora UFRJ lança livro de Otávio Velho e de Wanderley Guilherme dos Santos

Antinomias do real, do antropólogo Otávio Velho, e A difusão parlamentar do sistema partidário: exposição do caso brasileiro, do cientista político Wanderley Guilherme dos Santos, com colaboração de Fabrícia Corrêa Guimarães, são as mais novas publicações da Editora UFRJ. Amigos de longa data, esses brilhantes intelectuais brasileiros vão lançar seus livros juntos, no dia 25 de abril, às 19h, na Livraria da Travessa de Ipanema, rua Visconde de Pirajá, 572.

A difusão parlamentar do sistema partidário: exposição do caso brasileiro

O livro questiona, tanto do ponto de vista teórico quanto empírico, o senso comum de que o excesso de partidos compromete a seriedade de nosso sistema partidário.

Ao longo de 190 páginas o autor analisa o sistema político brasileiro, a partir da constituição de 1988, com foco nos resultados eleitorais dos pequenos partidos, também identificados pela imprensa, genericamente e com sentido negativo, como “partidos de aluguel”. Wanderley Guilherme argumenta que é um equívoco delegar a eles a responsabilidade pela falta de credibilidade do sistema eleitoral.

Segundo seu estudo, essa falta de credibilidade estaria relacionada ao cartel partidário formado pelos chamados “grandes partidos”, que podem aprisionar a diversidade nacional.  As pequenas legendas, ao contrário, teriam o papel de impedir a consolidação desse cartel.

Wanderley Guilherme dos Santos, um dos maiores cientistas políticos da atualidade, é professor aposentado de Teoria Política da UFRJ e pesquisador titular do Instituto de Estudos Sociais e Políticos da Uerj. É autor de vários livros e artigos na área de ciências sociais. Fabrícia Corrêa Guimarães é doutora em Ciência Política e atua principalmente nos seguintes temas: política e economia, políticas públicas e democracia.

Antinomias do real

O livro reúne artigos, ensaios, conferências e outros “ditos e escritos” do antropólogo Otávio Velho e reflete sobre os conflitos e paradoxos envolvidos nas noções e práticas de ciência, modernidade, civilização e identidade.

Ao longo de 456 páginas, Velho escreve sobre a antropologia e a política no Brasil das últimas duas décadas, abordando temas como religião, movimentos sociais, ideologia da miscigenação, deslocamentos de paradigmas e interculturalidade. A partir de um olhar não antropocêntrico da antropologia, o autor visa a um projeto civilizatório inclusivo, que incorpore a diversidade como um valor.

Segundo Amir Geiger, organizador da publicação, a coletânea é também um documento e um testemunho: a memória de um modo antropológico de se fazer ciências sociais, que pode ser manuseada como um relato e um percurso de pesquisa, apresentando uma antropologia não disciplinar, que entrelaça conhecimentos e aprendizados com outros modos de vida.

Otávio Velho é professor emérito da UFRJ, membro titular da Academia Brasileira de Ciências e autor e organizador de vários livros, além de artigos publicados nos Estados Unidos, Europa e América Latina. Amir Geiger é doutor em Antropologia e professor do Departamento de Ciência Sociais da Unirio.

 

Detalhes do evento:


Loading Map....

Dia(s): 25/04/2018
Horário: 19:00 - 21:00

Local: Livraria da Travessa - Ipanema
Rua Visconde de Pirajá, 572
Rio de Janeiro - RJ CEP

Categoria(s):

Inscrição:

A confirmação de inscrição no evento é de responsabilidade do organizador do mesmo.

Valor: Gratuito
Período de inscrição:25/04/2018
Site: www.editora.ufrj.br
Instituição responsável: UFRJ
Email do organizador:maria@editora.ufrj.br
Telefone de contato: (21) 3938-5486

Comments are closed.