Mineração e Territórios em tempos de Covid-19

O Instituto de Pesquisa e Planejamento Urbano e Regional inicia o ciclo de Debates IPPUR. A proposta dos Professores, pesquisadores e discentes é promover o amplo debate com a comunidade acadêmica e não acadêmica sobre os temas de pesquisa e extensão realizados pelo Instituto. O ciclo de debates também contará com convidados e abordará temas relacionados ao Campo do Planejamento Urbano e Regional e ao Campo de Públicas.

A live será transmitida pelo Canal Youtube Agência IPPUR:

https://www.youtube.com/channel/UCLkWjHzuJBGM-ZOZ2TxZ6tA

O primeiro debate ocorrerá dia 25/05, às 14h sobre o tema “Mineração e territórios em tempos de Covid-19”, com Thiago da Silva Ferreira e Francine Damasceno Pinheiro

Neste momento de pandemia do covid-19, com a sua alta taxa de disseminação e letalidade e relação direta com doenças no sistema respiratório, o debate sobre a essencialidade da mineração ganha novos contornos com a ascensão da contestação crítica à mineração como atividade poluidora e, na visão de seus opositores, não essencial. A partir dos casos da mina de Guaíba, no Rio Grande do Sul e de Brumadinho, Minas Gerais, nossos debatedores propõem a seguinte questão: diante das violações de direitos humanos que marcam a atividade mineradora e na necessidade de se repensar a reprimarização da economia, seria este um ponto de inflexão e retrocesso da expansão da mineração ou mero interstício dentro da lógica da especialização em commodities?

Thiago Ferreira

Doutorando em Planejamento Urbano e Regional (multidisciplinar) pelo IPPUR/UFRJ com a pesquisa “A expansão mineral no Sul brasileiro: O mito da criação e a (re)construção de uma vocação mineral no Estado do Rio Grande do Sul analisados através da implementação do Projeto Mina Guaíba da Companhia de Pesquisas e Lavras Minerais – COPELMI” atualmente em desenvolvimento. É mestre em Sistemas de Gestão do LATEC/UFF (2015-2016), tendo defendido a dissertação “Impactos de projetos de Engenharia realizados entre 2007 e 2016 de uma empresa do setor de petróleo e gás natural em uma comunidade de pescadores no município de Magé/RJ na perspectiva dos stakeholders em dezembro/2016, graduado em Administração Industrial pelo CEFET/RJ (2004-2007), com MBA em Gestão Estratégica de Recursos Humanos pela Salesiano (2010-2012) e Extensão em Administração Pública pela Universidade Federal Fluminense – UFF (2012/2014).

Link: http://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4550222T6

Francine Damasceno

Possui graduação em Direito pela Universidade Cândido Mendes (1999). Mestre e Doutora em Ciências Sociais pelo Programa de Pós Graduação em Agricultura, Desenvolvimento e Sociedade-CPDA/UFRRJ. Como formação complementar, estudou o Sistema Americano de Direitos Humanos na Comissão de Direitos Humanos da OEA-Washington/DC e Políticas Públicas em Direitos Humanos, no IPDDH/Mercosul. Possui experiência como docente nas áreas de Direito, com ênfase em Direitos Humanos e Ambientais, atuando nos seguintes temas: Ambiental e Agrário, Urbanístico, Administrativo, Constitucional, Sociologia Jurídica e Conflitos Socioambientais. Em Ciências Sociais com a temática de Justiça Ambiental, Sociedade e Meio Ambiente, Movimentos Sociais , Ecologia Política, Teoria Política e Metodologia de Pesquisa. Professora Orientadora das Pós graduações em Direito da Universidade Cândido Mendes/Multiplus e da Especialização no IPPUR/UFRJ: Energia e Sociedade no Capitalismo Contemporâneo. Coordenou o Curso de Extensão promovido pelo CDDH de Petrópolis e Universidade Católica de Petrópolis e com a UNIFESO/Teresópolis. Formação em Direito Social e Assessoria Jurídica Popular. Ministrou curso na Universidade Andina Simón Bolívar/Equador, como professora convidada. É advogada e educadora popular de movimentos sociais urbanos e rurais e articuladora da Rede Nacional de Advogados e Advogadas Populares. Pesquisadora Vinculada ao Projeto de Pesquisa Observatório dos Vales e do Semiárido mineiro da UFVJM, do Projeto de Extensão de Formação de Juventudes para participação nos debates sobre os Projetos de Desenvolvimento do Vale do Jequitinhonha. E pesquisadora vinculada ao Laboratório Fluminense da UFRRJ que vem prestando assessoria técnica aos atingidos pelo desastre de Mariana e Barra Longa, através da Cáritas Diocesana e da AEDAS.(Pesquisa e Extensão). Realiza estágio de pós doutorado no IPPUR/UFRJ.

Link: http://lattes.cnpq.br/869362788329572

 

Para submissão de propostas ao Debates IPPUR, acesse o link: https://forms.gle/xxL2pujM3Zo4PTSi6

Para receber o certificado de participação do evento, acesse o link: https://forms.gle/Rz47bmE5H1rkntCM8

Detalhes do evento:


Map Unavailable

Dia(s): 25/05/2020
Horário: 14:00 - 16:00

Local: Evento Virtual
Acessar o Link no corpo da Matéria
Acesso via Internet - Mundial CEP

Categoria(s):

Inscrição:

A confirmação de inscrição no evento é de responsabilidade do organizador do mesmo.

Valor: Gratuito
Período de inscrição:25/05/2020
Site: https://www.youtube.com/channel/UCLkWjHzuJBGM-ZOZ2TxZ6tA
Instituição responsável: IPPUR/UFRJ
Email do organizador:divulgacao@ippur.ufrj.br
Telefone de contato: (21) 99028-4848

Comments are closed.