“Tuia de Doido”, no Teatro de Arena do CCS

Na próxima quinta, dia 19 de maio, às 12 horas, a banda Tuia de Doido fará uma apresentação no Teatro de Arena do CCS/ UFRJ.
Tuia de Doido

A Tuia de Doido é o desdobramento de uma expedição cultural realizada às margens do Rio São Francisco no centro-norte de MG no ano de 2012, por Bernardo Marques (rabeca e bandolim), Jeovan Bardo (acordeon) e Wilson Júnior (cavaquinho e percussão), alunos de Produção Cultural da Universidade Federal Fluminense, à época, e por Leonardo Fiúza (contrabaixo), ex-aluno de Comunicação Social da Universidade Federal do Rio de Janeiro. Esta pesquisa de campo foi fruto de uma disciplina optativa oferecida pelo IACS (Instituto de Arte e Comunicação Social) da UFF, onde a turma composta por alunos dos bacharelados em Cinema & Audiovisual e Produção Cultural se dividiu em grupos para produzir uma Cartografia Cultural da região do Grande Sertão Veredas (Guimarães Rosa), pesquisando a culinária, a oralidade, a religiosidade, as paisagens, os saberes e práticas culturais e a musicalidade.

Após os dez dias de viagem, o entrosamento e as ideias musicais do até então quarteto, foram ganhando forma com ensaios caseiros semanais e a concepção de “fazer um som” instrumental misturando gêneros foi fincada como bandeira. Aliado a isso, a vontade de estudar música com práticas em conjunto e a miscigenação dos instrumentos, tirando-os de seus gêneros “pré-definidos” por “pré-conceitos”, forneceram a base para o que viria a ser praticado musicalmente. Com o norte apontado – música instrumental – foram aparecendo nomes de expressão da música brasileira, tais como Gonzagão, Hermeto Pascoal, Jacob do Bandolim, Chiquinha Gonzaga, Dominguinhos, Gilberto Gil, Sivuca, Tom Zé, Jackson do Pandeiro, Chico Science, João Bosco, Luiz Melodia e outros considerados mestres da música para a Tuia e de significativa relevância para a música brasileira para compor o repertório através de arranjos peculiares adaptados para a formação “doida” da banda.

Ideia concebida e as primeiras músicas definidas, faltava só agregar mais alguns músicos para fechar os arranjos das músicas e colocar a banda na rua. Sendo uma banda experimental, onde toda a produção artística servia e serve como laboratório para seus integrantes, a Tuia já teve o privilégio de contar com vários músicos de excelência em sua formação e hoje é integrada pelos professores Antônio Macalão no pandeiro, Nina Oliveira na flauta transversa e pífanos e Rodrigo Bis na rabeca além de contar com o experiente músico Pedro Castro na Zabumba. A banda carioca, que surgiu no bairro da Glória em 2012, realizou sua primeira apresentação no bairro de Santa Teresa, e teve seu primeiro show na Lapa, tem em seu breve tempo de existência shows antológicos em diversas regiões do Rio e Grande Rio, além de outras cidades do interior do estado Fluminense. Os shows que contavam somente com rearranjos de músicas consagradas, hoje já possuem algumas canções (instrumentais) autorais e o entrosamento musical é estimulado pela resposta do público que cresce para além dos admiradores da música instrumental e admiradores da música regional interiorana brasileira, mas também para os admiradores da música (cantada) popular brasileira e fundamentalmente para os que curtem dançar.

Detalhes do evento:


Loading Map....

Dia(s): 19/05/2016
Horário: 12:00 - 13:00

Local: Teatro de Arena do CCS UFRJ
Av. Carlos Chagas Filho, 373, Bloco "L", Cidade Universitária, Ilha do Fundão.
Rio de Janeiro - RJ CEP

Categoria(s):

Inscrição:

A confirmação de inscrição no evento é de responsabilidade do organizador do mesmo.

Valor: Gratuito.
Período de inscrição:Não foi informado
Site: http://www.ccs.ufrj.br/pt/.
Instituição responsável: UFRJ (Decania do CCS).
Email do organizador:chaffin@ccsdecania.ufrj.br.
Telefone de contato: 3938-6705.

Comments are closed.